domingo, 13 de novembro de 2011

BRASILEIRÃO 2011 - 34ª RODADA - FIGUEIRENSE 2X1 ATLÉTICO-MG

Jogando diante de uma torcida entusiasmada, o Figueirense conseguiu mais uma vitória neste sábado (12/11), no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis-SC. A vítima foi o Atlético-MG. A vitória do Figueirense por 2 a 1 o deixa na 4ª colocação, com 56 pontos, a 2 de distância dos líderes Vasco-RJ e Corinthians-SP, que ainda jogam neste domingo (13/11).
O time mineiro começou melhor e abriu o placar aos 37 minutos do 1º tempo. O Figueirense conseguiu a virada no 2º tempo jogando um belo futebol. Wellington Nem, aos 6 minutos e Júlio César aos 42 minutos, marcaram os gols da vitória. Com os gols marcados, Wellington Nem e Júlio César celebram a boa fase da dupla de ataque.
Está foi a 3ª virada do Alvinegro em casa (América-MG, Bahia-BA e Atlético-MG).
Com o resultado, o Figueirense chega a marca de 13 jogos sem derrotas na Série A do Brasileirão 2011. Está foi a sexta vitória consecutiva do Alvinegro na competição. O time catarinense segue firme na briga por uma vaga na Copa Libertadores da América. Na próxima quinta-feira (17/11), no Rio de Janeiro, o Figueirense pega o Flamengo, às 20h30min, no Estádio João Havelange.
Enquanto os alvinegros comemoram a boa campanha do time do Figueira, os torcedores avaianos amargam a queda para a Segundona. O time do Avaí coleciona fracassos e está em crise.

Ficha Técnica:
12/11/2011
Figueirense 2 x 1 Atlético-MG
Local: Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis-SC
Juiz: Cleber Welington Abade (SP)
Gols: Wellington Nem e Júlio César
Público: 10.271 total
Figueirense: Wilson; Bruno, Roger Carvalho, Édson Silva e Hélder; Ygor, Túlio (Fernandes), Coutinho e Elias (Aloísio); Wellington Nem (Héber) e Júlio César.
Técnico: Jorginho



A dupla de ataque do Alvinegro, formada por Wellington Nem e Júlio César, até aqui, marcou 21 dos 45 gols do Figueirense no Brasileirão. Wellington Nem (10 gols) e Júlio César (11 gols) fazem uma das melhores duplas de atacantes que o Figueirense já teve. Os torcedores mais velhos irão se lembrar de outra dupla de ataque que entrou para a história do clube: a dupla "Genial", formada por Genílson e Aldrovani, responsável pela maioria dos gols do Figueirense no fim dos anos noventa. O apelido, "Genial", foi criado pelo narrador Sérgio Murilo, pelo entrosamento e perfeição da dupla dentro de campo.

Um comentário:

  1. André Silveira (Estreito)14 de novembro de 2011 05:13

    ISRAEL CORDOVA NÃO QUER PUBLICAR MEU COMENTÁRIO.

    "... Para o bem do Figueirense acredito que uma mudança de comando seria o ideal, se não for hoje pode ser amanhã, ou na quarta mesmo". (Israel Córdova, 1 de agosto de 2011 15:20 - http://cordovaisrael.blogspot.com/2011/08/saindo.html#comments), em resposta ao comentário de Rafael Antunes.

    Aliás, teve um dia que o Israel disse aqui blog que teve torcedor pedindo Geninho. Pois é, teve torcedor, inclusive ele, indicado o Geninho. Prova? Aqui ó http://cordovaisrael.blogspot.com/2011/07/eles-querem.html

    Olha só, mais uma do Israel creditando uma derrota do Figueirense ao "badalado" Jorginho http://cordovaisrael.blogspot.com/2011/07/erro-individual-decreta-derrota.html

    E o pior, vejam só o que o Israel andou falando do ídolo Fernandes. Dele e de seu "empresário".http://cordovaisrael.blogspot.com/2011/07/o-empresario.html

    Bom Israel, sei que você não vai aceitar o comentário, mas isso é pra mostrar que todos já criticaram o Jorginho, o time, o Fernandes. Todos, até mesmo você.

    Abraço!

    ResponderExcluir